A indicação de hoje é aquele tipo de filme que se você ainda não assistiu, precisa assistir hoje. E se já assistiu, vai querer ver de novo. Dirigido por Mel Gibson, com 6 indicações ao Oscar, o filme Até O Último Homem, traz a história de um soldado da Segunda Guerra Mundial. E se ao ler isso já pensou em desistir por não ser fã dessa temática, te peço para que fique aqui por mais um minuto que vai se surpreender.

Ao falar de guerra, já se deduz que o filme irá tratar somente de morte e tristeza. Todavia, o longa mostra que com fé em Deus, você pode fazer a diferença até em um cenário de dor como este. Baseado na história real do soldado Desmond Doss, interpretado por Andrew Garfield, Até O Último Homem foi lançado no Brasil em 26 de janeiro de 2017 e rendeu uma bilheteria superior à 100 milhões de dólares ao redor do mundo.

O jovem Desmond desde pequeno vivencia situações à qual Deus o põem para refletir a sua fé em meio a tribulações, e em uma delas ele promete que nunca irá matar ou mesmo tocar em uma arma. Missão incompreendida aos seus colegas do exército após ter se alistado.

Um soldado socorrista que escolheu ir à Segunda Guerra Mundial, sem tocar em uma arma. Mas armado de fé e confiança no Senhor, Doss salvou mais de 70 homens sem precisar matar ninguém ou dar um tiro, cumprindo o mandamento do Senhor que diz “Não matarás” em Êxodo 20:13.

Imagem do Filme

“Eu orei o tempo todo. Eu ficava orando e pedindo: Senhor me ajude a salvar mais um.” disse Desmond em entrevista no ano de 2003.

“Senhor me ajude a salvar mais um”, essa frase era repetida pelo soldado durante toda a batalha e o Senhor ajudou! 75 homens foram socorridos por ele, merecendo a primeira Medalha De Honra dada a um socorrista. Ainda sim, Desmond sempre entrega o mérito ao Senhor e diz que heróis são aqueles que foram enterrados e deram suas vidas para salvar o país.

O drama nos traz a reflexão sobre confiar em Deus. Não somente dizer mas provar em vida esta confiança. Mesmo em meio a pessoas dizendo o contrário, mesmo em meio a uma guerra. Confiar que o Senhor está conosco e nunca permitir que sua convicção disso seja abalada pelo que te dizem, pois nosso Pai nos capacita e nos da força de cumprir a sua palavra. Desmond Doss não teve uma vida tranquila ao escolher cumprir a palavra, mas foi recompensado por Deus ao fazer isso. Por isso, como Desmond, vamos permanecer firmes em meio as dificuldades pois Deus é conosco.

Compartilhar: