Adolescentes fazem piquenique evangelístico

Foto: Equipe Conexão

Na manhã do último sábado (31), o grupo de adolescentes do Jardim Nascimento saiu das “quatro paredes” e dedicou um momento para a evangelização na Chácara Silvestre, localizada na Avenida Wallace Simonsen.

Foto: Equipe Conexão

Com o tema “Qual é o seu dom?”, o culto foi organizado e dirigido pelos adolescentes que tiveram a oportunidade de externar aquilo que o seu coração estava queimando para fazer, seja tocando, louvando, trazendo uma Palavra, entregando um folheto ou até mesmo intercedendo.

O projeto nasceu no coração de Kamilly Cerqueira (16) e Beatriz Silva (16) a partir de um trabalho pessoal que iriam realizar com suas amigas. “Cada uma iria escolher e estudar um livro da Bíblia e assim repassar o conhecimento adquirido em um piquenique; o objetivo era também desenvolver nossa fala em público”, conta Kamilly. Mas, orando sobre isto, Deus colocou o desejo em seu coração de expandi-lo para todos os adolescentes, incentivando-os a utilizarem seus dons e unir o grupo.

Para as duas, liderar o trabalho foi desafiador e sentiram o peso espiritual, chegando a pensar que nada daria certo. Segundo Beatriz, houve um acontecimento que a deixou desesperada, porém, depois da Palavra entendeu o que Deus queria fazer naquele dia.

“Participar desse projeto foi como se eu estivesse plantando sementes, e tenho convicção que o terreno é muito fértil e dará muitos frutos” (Kamilly)

Yann Pereira (18) trouxe uma saudação e relata a sensação de ter participado: “Foi uma experiência incrível. O propósito de Deus não era falar com os não crentes, mas a Sua Palavra veio de encontro aos corações dos adolescentes cristãos”. E deixou uma mensagem:

“Caros adolescentes, por mais que a timidez seja difícil de vencer, você deve vencê-la! Deus está aí para te dar forças, para te dar foco, você precisa busca-lo para Ele te guiar pelo caminho certo. Queira abençoar alguém, falar de Deus para alguém; é mais honrado fazer o bem para o próximo do que para nós mesmos. Tenha amor pelo seu próximo e peça a Deus para mostrar o seu dom, junte tudo e ganhe almas!”.

Foto: Equipe Conexão

Nas palavras de Kamilly: “Deus criou cada pessoa para um propósito e deu ferramentas para exercermos esse propósito. Quando compreendemos que os planos de Deus são perfeitos e ficamos à disposição para cumprir esse plano, a vida começa a ter um sentido real. Não será fácil cumprir, mas é algo que traz uma paz indescritível e um sentimento de dever cumprido. Tudo aqui nessa terra é passageiro, mas aquilo que fazemos para Deus é eterno”.

Foto: Equipe Conexão

Sobre a ministração:
A Palavra foi ministrada por Ricardo Costa, jovem do Jardim Nascimento, baseada em Lucas 10. 30-34 onde é narrada a parábola do Bom Samaritano. “O Samaritano teve compaixão usando apenas o que tinha (faixas, vinho e azeite) para estancar as feridas do homem caído. Isso é o que chamamos de dom. Quando usamos aquilo que é inesperado para edificar alguém. Esses adolescentes representam o Samaritano, na qual Deus está abastecendo de faixas, vinho e azeite para curar quem está caído no caminho”.

Ricardo conta que em sua adolescência também sofreu com a timidez: “Em relação à obra de Deus eu era muito tímido. Sentia a necessidade de me soltar mais, mas a timidez era um adversário forte (kkk). Porém, a oração foi um caminho pelo qual consegui vencer pedindo a Deus sempre que trabalhasse nesse aspecto em mim, e em um determinado momento decidi que era hora de mudar. Tive uma oportunidade para ministrar no culto e durante a semana orei, me preparei e dizia para mim mesmo que mudaria daquele dia em diante – e assim foi. Sem me importar com a reação das pessoas, me deixei levar pelo Espírito e pela vontade de Deus, e desde então a timidez já não é mais uma barreira entre mim e a obra de Deus”.

“Deus apostou em você para que possa ser o projeto dEle para alcançar o homem. Continue, há mais em você do que possa imaginar” (Ricardo)

Compartilhar: